terça-feira, novembro 16, 2010

Anders Zorn-Dagmar

Tal como uma ninfa olhando o seu reflexo na superfície ondulada de um lago, esta figura está inclinada sobre a água numa atitude calma e pensativa.A sua pele rosada é realçada pelas tonalidades suaves das rochas e pelo verde do fundo do lago. Apesar de não haver nada explicitamente erótico na figura, é o seu corpo voluptuoso que atrai o espectador, e há algo de inocentemente sensual na pose desta adolescente. Anders Zorn, nascido em Mora em 1860 e falecido na mesma cidade sueca, sempre se interessou pela gravura e ara além de ter realizado um esboço desta composição, fez algumas outras gravuras a partir dos seus quadros e esculturas. Foi um dos mais cosmopolitas artistas suecos do seu tempo, tendo viajado bastante, tanto pela Europa como pela América do Norte.Apesar do tratamento da luz e da cor o associarem aos Impressionistas, a solidez que conferia às formas, a luminosidade e a espontaneidade que podem ser apreciadas nesta e noutras das suas inúmeras obras (muito pontuada por bonitos nus femininos), são características da pintura escandinava do fim do século XIX e princípios do século XX.Esta obra que aqui aparece intitulasse de "Dagmar", foi realizada em 1911 é óleo sobre tela, tem 88x63 cm e faz parte de uma Colecção Particular.
video

Sem comentários: